14 de dezembro de 2015
Como é feita a uva passa?

Quer aprender como ela fica seca? O processo é simples!

TAGS:

A uva passa é a grande causadora de intrigas das festas de final de ano! Amada e odiada por muitos, a fruta seca vai bem com arroz, panetone, saladas entre outros. Quer saber como ela é produzida? Do parreiral, as uvas vão para uma área onde são espalhadas sobre uma malha, semelhante ao café quando vai para o terreiro secar. São uvas fora do padrão de tamanho, cor ou com algum defeito e que, ao serem processadas como uva passa, ganham em valor agregado.

As frutas ficam na área de secagem por duas a três semanas, dependendo do calor. É importante que a uva tome sol por todos os lados e seque completamente! Durante a secagem, a uva vai escurecendo, mesmo que seja de uma variedade clara. O teste para saber se está no ponto? Você deve tocar na uva passa e perceber se ainda sai suco. Não precisa de máquina nenhuma, legal né?

Mas e as uvas que continuam claras e amareladas? Para que elas mantenham a cor, o sol está proibido. O processo é um pouco mais complicado, já que as uvas têm que passar por fornos. Elas são lavadas e recebem um produto que retira a oleosidade da casca, isso permite que a fruta desidrate melhor. Então, elas vão para as bandejas plásticas, entram nas câmaras para receber o anidrido sulfuroso, uma substância para fixar a cor, e logo seguem para os fornos. A temperatura média é superior a 50 graus. Dependendo da temperatura do dia e do forno, o processo pode durar cerca de 90 horas.

Depois disso, tanto as uvas escuras quanto as claras seguem o mesmo caminho. São classificadas pelo tamanho, lavadas, centrifugadas e, depois, selecionadas. Passam pelo raio laser e raio X para detectar imperfeições. Para terminar, vem a seleção manual e a embalagem.

Fonte: Globo Rural com alterações da Redação Sou Agro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *