Benefícios da Pitaya para a sua saúde – Fique por dentro de suas propriedades

Compartilhe as informações sobre este alimento

A pitaya (ou pitaia) é uma fruta que nos últimos anos vem chamando muito a atenção. Um pouco desconhecida no Brasil, ela está ganhando popularidade e chegando cada vez mais às mesas dos brasileiros. E você, já conhece a pitaya ou ela é uma completa novidade? Sabe quais benefícios ela pode causar em sua saúde?

Prossiga a leitura e descubra tudo o que precisa!

Origem e cultivo no Brasil

A pitaya é uma fruta tipicamente tropical e subtropical, sendo oriunda do México e de países da América Central. O nome significa “fruta escamosa” e, de fato, a pitaya é um cacto.

Não por acaso você também pode ouvi-la ser chamada de “fruta dragão”, em razão da aparência da casca, que é grossa e espinhosa.

pitaia

O cultivo no Brasil é recente e ainda tímido, mas os resultados alcançados pelos agricultores demonstram que há potencial de crescimento.

Os estados de São Paulo, Minas Gerias, Bahia e Paraná estão apostando no cultivo da fruta, mas é o Rio Grande do Sul que vem se destacando, em especial porque produtores de outras culturas, como o fumo, estão migrando para o plantio da pitaya.

Saiba que é possível plantar um pé de pitaya em casa, num vaso, mas é preciso saber o tipo adequado para a sua região. No Brasil, você pode encontrar as variedades vermelha de polpa branca e de polpa vermelha, a pink, a baby, a do cerrado e a pitaya amarela. No mundo, são 39 espécies desse cacto, todas comestíveis.

A pitaya não é uma árvore que exige solo e clima muito específicos, mas alguns tipos não se adequam tão bem ao clima frio. Ao decidir plantar, opte por mudas já enraizadas, ainda que na internet seja possível encontrar sementes de modo bastante fácil.

O local de plantio deve oferecer tanto sombra quanto luminosidade e o buraco no qual a muda será plantada deve possuir entre 25 e 30 centímetros de profundidade. Após o plantio, regue a cada dois dias, caso não chova.

Um das razões pelas quais a pitaya é uma excelente opção de plantio está no fato de o cultivo ser extremamente simples. Trata-se de uma planta pouco exigente, que dispensa, por exemplo, agrotóxicos. O uso de venenos pode, inclusive, matar a planta e alterar consideravelmente o sabor da fruta.

Essa é uma excelente notícia para quem está buscando por uma vida mais saudável e pelo consumo de alimentos orgânicos. Há grande possibilidade de a pitaya que você encontrar no mercado estar livre de agrotóxicos.

Preços para quem planta e para quem consome

A muda enraizada pode ser encontrada a partir de R$29,00, mas as sementes são bem mais baratas. Um pacote contendo 15 sementes custa cerca de R$8,00.

O produtor consegue, em média, R$8,00 pelo quilo da pitaya, mas os supermercados vendem o quilo da fruta por mais de R$15,00. O preço é um pouco salgado, é verdade.

pitaias

Talvez você esteja se perguntando onde pode encontrar essa fruta tão exótica. A verdade é que tal missão pode ser um pouco complicada. A pitaya está na moda, mas não é uma fruta popular. É mais fácil encontrá-la em hipermercados e em pequenos estabelecimentos que oferecem produtos naturais e exóticos.

Entretanto, o número de produtores está aumentando e a fama da fruta dragão, crescendo. Ela certamente será mais facilmente comprada dentro de alguns anos.

Benefícios

1. A pitaya é uma fruta de sabor muito atrativo por ser consideravelmente doce. Entretanto, apesar de doce, ela possui pouquíssimo açúcar, o que faz dela uma aliada da dieta e de quem tem diabetes, já que a fruta possui substâncias que controlam o pico de açúcar que nosso corpo sofre após as refeições.

2. Aliás, falando em diabetes, há uma excelente notícia: pesquisas têm mostrado que a pitaya auxilia na prevenção de doenças como diabetes e hipertensão, pois ajuda a estabilizar os índices de açúcar no sangue.

benefícios da pitaia

3. Além disso, a fruta rosa é rica em fibra e em sementes e, em razão disso, auxilia no bom funcionamento do intestino e na redução do mau colesterol. Não se esqueça de que hipertensão e colesterol estão relacionados aos males do coração. A pitaya, portanto, também atua na prevenção de doenças cardiovasculares.

4. A pitaya oferece ainda substâncias como flavonoites, os quais são antioxidantes e irão colaborar com a atenuação dos efeitos causados pelos radicais livres. Como se tudo isso não fosse o bastante, consumir pitaya é garantir uma fonte de vitamina C e de zinco, que fortalecerão seu sistema imunológico.

5. Se você está de dieta, aposte na pitaya! Além de não ser rica em açúcar e, ainda assim, possuir sabor adocicado, essa incrível fruta fará com que você sinta menos vontade de comer doce e menos fome. Acredite, 100 gramas de pitaya oferecem apenas 50 calorias e, por ser uma fruta termogênica, ela auxilia na queima de gordura.

Como escolher a pitaya perfeita

Encontrar a pitaya pode não ser a missão mais simples, mas, quando você se deparar com ela, veja se fruta que possui casca com brilhante cor avermelhada ou rosada.

Para ter certeza de que a sua fruta dragão está madura, pressione levemente a casca e sinta se ela está macia, mas não excessivamente macia. A fruta muito mole estará madura demais e você não terá muito tempo para consumi-la. Caso compre uma fruta muito dura, espere alguns dias para que ela fique perfeita!

Além da cor e textura, preste muita atenção na casca para ver se a fruta possui machucados, arranhões, manchas escuras, espinhos ressecados ou pontos secos. Tente não comprar as peças que apresentarem tais características.

Como comer

A pitaya possui sabor doce, remetendo ao sabor do kiwi e do melão, e com textura macia. Com todas essas características, é claro que você pode se deliciar com a fruta pura, pois ela é, de fato, bastante saborosa.

Se você vai comer pitaya pela primeira vez, não se esqueça de que a casca não é comestível. Ao cortar a fruta pela metade, você encontrará a polpa, essa sim comestível e muito gostosa. Retire a polpa com uma colher, pois, se ela estiver madura, sairá facilmente. E descarte a casca.

Se você quer explorar novas possibilidades e receitas, também há muitas opções. Sucos, sorvetes, geleias, pudins, sucos, mousses. É só escolher, pois a pitaya, além de ser tão saborosa quanto uma sobremesa, dá origem a doces incríveis e muito fáceis de fazer.

propriedades da pitaia

Para obter receitas com menos açúcar e gordura, acrescente a pitaya a receitas que sejam feitas com leite condensado de soja, ao creme de leite sem lactose, ao leite de coco, leite desnatado, gelatina sem sabor, açúcar mascavo.

Outra opção é fazer uma salada de frutas ou bater a pitaya com outras frutas, como banana e abacaxi, para saborear um delicioso smoothie. Considere também adicionar a pitaya em receitas que levem hortelã e gengibre, ingredientes que combinam muito bem com a fruta.

Se você procurou sorvete de pitaya em sua cidade e não encontrou, que tal fazer uma receita caseira? É supersimples. Bata a pitaya com creme de leite e açúcar mascavo, até conseguir a consistência desejada.

Além de pratos doces, a pitaya, como tantas outras frutas, pode ser usada em diversas saladas, em especial as saladas verdes.

Se interessou pela fruta? A pitaya é a nova moda das dietas e da vida saudável, então não perca a oportunidade de experimenta-la e de descobrir novas receitas!

 

Artigos Relacionados

Benefícios e Propriedades do Mangostão

Benefícios e Propriedades do Quiuí

Benefícios e Propriedades da Manga

Benefícios e Propriedades da Lichia

Benefícios e Propriedades do Rambutão

Benefícios e Propriedades do Maracujá

Benefícios e Propriedades da Carambola

Benefícios e Propriedades da Graviola

Benefícios e Propriedades da Jaca

Benefícios e Propriedades do Pomelo

Benefícios e Propriedades da Romã

Benefícios e Propriedades do Salak

Benefícios e Propriedades do Caqui

Benefícios e Propriedades do Longan