Benefícios do Alho para a saúde

Compartilhe as informações sobre este alimento

Que o alho é essencial para dar mais sabor a alguns alimentos, todo mundo sabe. Mas nem todos têm ideia do quanto esse pequeno vegetal pode nos ajudar a prevenir e tratar diversos problemas de saúde.

Com seu sabor peculiar, forte e picante, ele é muito (bem) utilizado na culinária do mundo todo.

No Brasil, ele faz toda diferença em nossa mesa, acentuando o sabor de diversos pratos, incluindo o nosso popular arroz-com-feijão. Mas também tem seu lugar em tira-gostos ou petiscos, como pães de alho e canapés.

Vamos conhecer mais sobre as propriedades e benefícios que tornam o alho mais do que um tempero gostoso, um protetor da saúde do nosso organismo.

propriedades do alho

Alho Planta

De nome científico Allium sativum, o alho é uma planta da família das liliáceas que tem como “parentes” as cebolas e os alhos-porós.

Também conhecido como alho-de-horta, alho-manso ou alho-hortense, seus inúmeros benefícios são apregoados, tanto na culinária quanto em tratamentos de saúde. Mas essa fama não é recente. Milhares de anos antes de Cristo, ele já era usado na Roma Antiga e na Babilônia para prevenção e tratamento de dores de cabeça, faringite e infecções.

Para se ter uma ideia, o pai da medicina, Hipócrates, foi quem primeiro demonstrou a eficácia do alho como laxante e diurético. Documentos antigos também atestam que médicos romanos já utilizavam esse vegetal para tratar problemas digestivos, pressão alta, senilidade e até impotência.

Propriedades do Alho

Muito popular em nossa cozinha e de fácil acesso, os benefícios do alho vão muito além do tempero.

Pesquisas científicas mostram que esse vegetal pequeno, mas de presença forte, tem grande valor terapêutico por apresentar, em sua composição, várias substâncias benéficas a nossa saúde, principalmente para o coração.

Rico em antioxidantes e flavonoides, o alho possui entre seus compostos ativos vitaminas A, B1, B2, C, além das substâncias Alicina, Alina, Germânio e Selênio. Combinados, esses elementos têm uma função protetora do nosso organismo, com as propriedades antisséptica, antifúngica e anti-inflamatória. Essas propriedades do alho o tornam um excelente aliado no tratamento e prevenção contra diversas doenças.

Alho é bom para que?

  • Previne a arteriosclerose e doenças cardiovasculares;
  • Reduz o mau colesterol.
  • Combate a obesidade
  • Protege contra resfriados e alergias.
  • Previne contra o câncer no estômago, no cólon e no fígado.
  • Controla do diabetes
  • Melhora a circulação sanguínea
  • Previne a impotência

Benefícios e Malefícios do Alho

Rico em fibras e proteínas, o alho é bastante nutritivo. Cada 100 gramas desse vegetal possui cerca de 150 calorias. Também apresenta em sua composição minerais essenciais para nosso organismo, como Cálcio, Potássio, Ferro e Magnésio.

Tudo isso faz com que o alho seja utilizado como um eficaz remédio natural. No entanto, como todo vegetal, ele pode não ser recomendável para alguns grupos de pessoas em situações específicas. Por isso, o importante, antes de consumir é conhecer os Benefícios e malefícios do alho.

benefícios do alho

Benefícios do Alho

Entre outros benefícios, o alho é considerado:

  • Antivirótico e antibacteriano – previne contra asma, bronquite, gripes, resfriados e alergias.
  • Diurético e desintoxicante – favorece a eliminação de toxinas e ajuda a regular o intestino.
  • Vasodilatador – por conter alicina, melhora a circulação sanguínea e ajuda a controlar a pressão arterial.
  • Digestivo – combate a azia, os gases e a indigestão.
  • Expectorante – muito eficaz para amenizar os sintomas de garganta inflamada e tosse, também limpa as cordas vocais.
  • Antioxidante –  fortalece a imunidade e combate a anemia.
  • Antibiótico natural – protege contra diversas doenças.
  • Controle do colesterol ruim
  • Ótimo remédio tópico para tratar alergias da pele e também no trato bucal (dor de dente)

Contraindicações do Alho

Embora seja um alimento muito saudável, o consumo de alho não deve ser indiscriminado. Não custa lembrar algumas delas, para que você possa usar esse poderoso alimento de forma equilibrada. O consumo excessivo de alho está contraindicado em casos de:

  • problemas de coagulação sanguínea
  • uso regular de remédios anticoagulantes
  • pacientes com suspeita de trombose
  • mulheres com menstruação muito abundante
  • baixa pressão arterial
  • pré ou pós cirurgia (inclusive odontológica)

Indivíduos com hipersensibilidade ao alho podem apresentar dores de estômago,  azia e gases. Também está contraindicado para pessoas com doença renal, gastrite, úlcera e epilepsia.

Alho serve para impotência

Já nos tempos antigos, médicos romanos receitavam o consumo de alho para tratar da senilidade e da impotência masculina. E essa recomendação tem comprovação científica nos dias atuais. Por conter uma enzima chamada Nítrico Óxido Synthase, o alho contribui para aumentar os níveis de testosterona e melhorar a circulação sanguínea. Com isso, ajuda na ereção e melhora a libido masculina. Por isso, nos dias de hoje, o alho é chamado popularmente de “Viagra natural”.

Além disso, o consumo regular de alho auxilia no controle de alguns tipos de diabetes, que também é uma das causas da disfunção eréctil. E já que o assunto é desempenho sexual, outra boa notícia é que alho cru é afrodisíaco. Além de fluidificar o sangue esse tempero é um poderoso estimulante que ajuda a dar um clima na hora H.

Alho e azeite, remédio natural

Pense numa receita “milagrosa” que pode ser preparada com alimentos que você encontra na sua cozinha. A mistura de alho e azeite de oliva pode fazer maravilhas para a sua saúde. De uma simples dor de ouvido até o controle da pressão arterial, esta receita natural é um tratamento eficaz e sem contraindicação. Enquanto o alho contém antioxidantes que fortalecem o sistema imunológico, o azeite de oliva possui ácidos graxos monoinsaturados, muito saudáveis para o coração. Veja algumas indicações para o consumo regular de alho e azeite.

alho propriedades

  • Ajuda a emagrecer
  • Antibiótico contra várias doenças
  • Abre as vias respiratórias
  • Combate a insônia
  • Desintoxicação do fígado e da vesícula biliar
  • Melhora as dores nas articulações
  • Previne contra o câncer de próstata

Como preparar:

Misture alho cru (01 dente de alho roxo a cada 20kg de peso) + 2 colheres de azeite extra virgem.

  • Deixe curtir por pelo menos 2 horas antes de usar.
  • Consuma misturado em um caldo quente (de carne, galinha ou de legumes).

Se desejar, acrescente pedaços de pão ou torradas (de preferência pão integral). Recomenda-se ingerir à noite, pois esta mistura causa certa sonolência e é ótima para relaxar e combater a insônia.

Outra forma de preparar alho com azeite é fazer uma mistura maior para consumo mensal.

Como fazer:

  • Separe 300 gramas de alho + 500g de azeite extra virgem
  • Descasque o alho
  • Bata no liquidificador junto com o azeite
  • Coloque num pote de vidro
  • Deixe curtir por pelo menos 2 h

Use uma colher de sobremesa ou de sopa dessa mistura numa refeição (caldo quente ou sopa) diariamente. Consumido à noite é um ótimo calmante, proporcionando um sono tranquilo.

Alho emagrece?

Outra qualidade pode ser somada à grande lista de indicações do alho para nossa saúde. Segundo pesquisas recentes, o consumo de alho ajuda a emagrecer. Isso porque um de seus principais compostos ativos é a alicina, que funciona como um redutor de apetite, colaborando assim, no processo de perda de peso.

O alho é um alimento considerado termogênico, ou seja, que ajuda a acelerar o metabolismo durante o processo de digestão. Após ser consumido, ele emite sinais de saciedade ao cérebro, fazendo com que a pessoa coma menos. Além disso, ele estimula o sistema nervoso a liberar adrenalina, o que acelera o metabolismo e ajuda a queimar mais calorias.

Como usar:

Procure ingerir diariamente uma pequena porção de dente de alho cru ou cozido

(01 dente de alho a cada 20 kg de peso). Outra boa indicação são as cápsulas de alho concentrado. Ricas em vitaminas, minerais e aminoácidos, elas geram saciedade, ajudando a controlar o colesterol e regulam o funcionamento da tireoide.

Água com Alho

Outra receita natural que ajuda a emagrecer é ingerir água com alho.

Bebida em jejum, logo ao acordar, funciona como um ótimo depurativo, que vai ajudar a queimar gordura. Você também pode consumir água e alho em forma de infusão, também com o objetivo de emagrecer.

Chá de alho

Para prevenir contra gripes e resfriados ou amenizar seus sintomas, uma boa indicação e totalmente natural é o chá de alho. Essa bebida ajuda a hidratar o corpo, aliviando o mal estar causado pela gripe. Além disso, o alho possui efeito expectorante, promovendo a limpeza das cordas vocais e aliviando as dores da garganta inflamada.

Como fazer:

– 01 colher de sopa de alho picado em 01 xícara de água

– Ferva a mistura por 05 minutos

– Deixe esfriar, coe e beba ainda morno.

Recomenda-se uma xícara 03 vezes ao dia enquanto durarem os sintomas. O chá de alho também ajuda a fortalecer a imunidade, favorecendo a cura mais rápida de gripes e resfriados.

Benefícios do Alho para o cabelo

Você certamente já ouviu dizer que o alho faz bem para o cabelo. Essa afirmação é verdadeira, pois ele é rico em diversas vitaminas (A, B2, B6, C) que fortalecem os fios capilares. Poderoso adstringente, o alho também ajuda a prevenir contra a caspa e por ter ação fungicida, contribui para tirar a oleosidade dos cabelos.

No entanto, segundo dermatologistas, as propriedades do alho benéficas para os cabelos são obtidas pelo consumo oral do alimento ou de cápsulas de alho, não havendo comprovação científica de que lavar ou hidratá-los com solução caseira de alho terá o mesmo efeito sobre nossas madeixas.

Por isso, para dar mais vida aos seus cabelos, o mais recomendável é utilizar o alho in natura ou em forma de cápsulas.

 

Artigos Relacionados

Benefícios e Propriedades da Cenoura

Benefícios e Propriedades do Orégano

Benefícios e Propriedades do Açafrão

Benefícios e Propriedades do Espinafre

Benefícios e Propriedades do Alho-porro

Benefícios e Propriedades do Tamarindo