Benefícios do Marmelo para a saúde

Compartilhe as informações sobre este alimento

A busca por qualidade de vida tem crescido muito nos últimos tempos e, para isso, uma alimentação saudável e balanceada é essencial. Uma das maneiras de se alimentar melhor é introduzir mais frutas no dia a dia. De acordo com a OMN- Organização Mundial da Saúde, cada pessoa deve consumir diariamente de 3 a 5 porções de frutas (isso varia de acordo com a necessidade de cada um). Uma fruta rica em propriedades boas para tratar e prevenir doenças é o marmelo.

O marmelo (Cydonia oblonga) é um fruto arredondado, de cor amarelada ou esverdeada, que se assemelha à pera, normalmente medindo de 10 a 12 cm. Sua árvore é o marmeleiro, ou pé-de-marmelo, que teve sua origem nas regiões da Ásia menor e sudeste da Europa e também é conhecida como marmeleiro da Europa ou pereira do Japão. É uma árvore que dá flores brancas, rosas ou amareladas, de tronco tortuoso e áspero, e que chega a medir 4 metros.

marmelo

A produção de marmelo no Brasil é muito pequena, a maior parte consumida no país é importada de países como Argentina e Uruguai.

Tipos de marmelo

O marmelo tem dois tipos mais conhecidos:

  • Marmelo do Cerrado: da família Rubiacea, a mesma do café, muito encontrada no Cerrado Brasileiro, por isso carrega esse nome, mas também é conhecida como marmelo-bola ou apuruí. Suas folhas são utilizadas para fins medicinais e os frutos de polpa parda utilizados na alimentação. Sua semente torrada é usada para substituir o café.
  • Marmelo do Mato: também conhecido como marmelo do campo ou marmelo preto, espécie predominante na caatinga.

Propriedades do marmelo

Vamos conhecer algumas das propriedades do marmelo:

  • Pectina – ajuda a reduzir o colesterol ruim (LDL);
  • Ácido málico – combate a retenção de líquidos, elimina o ácido úrico;
  • Taninos – são anti-inflamatórios naturais e atuam na mucosa;
  • Potássio – previne problemas no coração e doenças nos vasos sanguíneos;
  • Fibras – laxante natural, auxilia o emagrecimento;
  • Vitamina C – trata gripes e resfriados

Benefícios do marmelo

O consumo do marmelo traz diversos benefícios para nossa saúde. Consumi-lo in natura ou na forma de chá ajuda a tratar dores de garganta, aftas, males na gengiva e inflamações estomacais. Também tem ação antisséptica e antiespasmódica (atua em casos de enjoos e vômitos), é calmante, trata queimaduras, cólicas, diarreia, males do pulmão como tuberculose e pneumonia.

O marmelo é excelente para fortalecer o organismo, a parte física e mental.

benefícios do marmelo

Como comer marmelo

O marmelo não costuma ser consumido cru, devido à sua polpa dura e sabor amargo. Em Portugal, é consumido cozido, em forma de marmelada ou assado. No Brasil, em sua maioria, é consumido como marmelada industrializada, mas em algumas regiões também é consumido de forma cozida ou assada. Utiliza-se também para fazer doces e geleias.

O doce mais popular feito dessa fruta é a marmelada.

Marmelada

A marmelada (doce de marmelo) é um doce oriundo de Portugal, que é típico e popular em diversas regiões brasileiras. Trata-se de um purê da fruta, cozido com açúcar. Apesar da polpa branca do marmelo, o doce, depois de pronto, fica com uma cor vermelha ou alaranjada.

É uma iguaria tão popular que marmelada também virou uma expressão idiomática, usada para referir-se a uma ação desonesta. A expressão surgiu porque alguns produtores do doce misturavam chuchu à receita para fazer com que este rendesse mais, enganando assim os clientes.

Marmelada caseira – como fazer

O preparo da marmelada é relativamente simples, poucos ingredientes são necessários, segue uma receita simples:

Ingredientes:

  • 1kg de marmelomarmelo benefícios
  • 600g de açúcar
  • 1 colher de chá de suco de limão
  • Canela em pau (opcional)
  • 4 colheres de sopa de água

Modo de Preparo:

  • Inicialmente, deve-se lavar os marmelos, cortá-los em 4 pedaços e retirar as sementes.
  • Coloque todos os ingredientes em uma panela, cozinhe em fogo baixo por cerca de 1 hora ou até que os marmelos estejam cozidos e macios.
  • Passe toda mistura por um processador ou liquidificador.
  • Leve de volta ao fogo e cozinhe, mexendo sempre para não grudar no fundo da panela, até ficar em ponto de geleia.
  • Depois é só colocar em recipientes de sua preferência e deixar secar sem tampa por algumas horas.

Marmelo para fins medicinais

O chá, feito com o marmelo desidratado, é excelente para as inflamações na garganta, anemias, diarreias, nevralgias faciais e espasmos musculares. Você ainda pode encontrar receitas de xarope, que possuem ação digestiva e adstringente, caldas, infusões e loções para pele e cabelos.

As sementes são utilizadas para tratar inflamações de pele e hemorragias.

A infusão das flores do marmeleiro ajuda a acalmar a tosse e a dormir.

É possível também encontrar o mel das flores do marmeleiro que auxiliam a ação digestiva, prisão de ventre e combatem a enxaqueca.

Onde comprar marmelo

É muito difícil encontrar a fruta in natura. Encontra-se com mais facilidade nas poucas regiões onde é produzido, como Goiás, Minas Gerais e Ceará. No entanto, atualmente há diversas empresas que fazem a venda de frutas, sementes, folhas e chás pela internet.

Curiosidades sobre o marmelo

A Maçã de Ouro

Na Grécia Antiga, o marmelo era chamado de “maçã de ouro”, considerado símbolo do amor e da fertilidade e consagrado à deusa Afrodite (deusa do amor). Conta-se que a noiva, no dia do casamento, deveria comer um marmelo e o noivo deveria se abster-se.

A Vara do Marmelo

A parte flexível do galho do marmeleiro, a vara do marmelo, era utilizada antigamente para punir escravos e crianças indisciplinadas. Era considerado um castigo pesado, mais doloroso que o cinto e a palmatória, e a pessoa que recebesse o castigo poderia ficar com as marcas durante muito tempo.

Contraindicações do marmelo

Não há registros de efeitos colaterais ocasionados pelo consumo do marmelo, contudo é muito importante observar as substâncias presentes no fruto e no caso de dúvidas, procurar um nutricionista para uma orientação especializada.

O marmelo pode ser considerado um presente da natureza, está claro que ele vai muito além da marmelada, geleias e doces, possui propriedades ricas que nos ajudam a prevenir e tratar enfermidades e nos auxiliam a ter uma vida mais saudável. Sendo assim, por que não inclui-lo em nossa alimentação?

 

Artigos Relacionados

Benefícios e Propriedades da Pera

Benefícios e Propriedades do Damasco

Benefícios e Propriedades da Romã

Benefícios e Propriedades da Maçã

Benefícios e Propriedades do Pêssego

Benefícios e Propriedades do Quiuí