9 Tipos de Cogumelo e Seus Benefícios Para a Saúde

Compartilhe as informações sobre este alimento

Os cogumelos são fungos, pertencentes ao Reino Fungi, com grande valor nutricional e possuem mais de 10 mil tipos. Eles são bastante conhecidos como “carne dos vegetarianos”. Os sabores de cogumelos variam entre os mais marcantes até os mais sutis.

Os cogumelos podem incrementar uma receita, assim como ser consumidos grelhados, assados, fritos ou refogados. Eles também podem ser combinados com carnes, queijos, macarrão ou vegetais.

Quais são os tipos de cogumelos comestíveis?

Apesar da grande variedade de cogumelos existentes, há uma pequena variedade específica que pode ser encontrada nos supermercados tradicionais, como o champignon, o shimeji e o shiitake. Conheça as oito principais variedades de cogumelos comestíveis consumidas no Brasil e no mundo.

  1. Champignon – O champignon, também chamado de cogumelo-de-paris, é a variedade mais conhecida no país, em virtude da sua alta comercialização na versão em conserva. Contudo, o champignon fresco também é muito bom, ele tem um sabor suave e agradável, com uma textura interessante. Sua cor é marrom e ele pode ser feito assado ou refogado, aliado a vegetais, queijos e ervas.
  2. Portobello – O portobello é o champignon em uma versão mais madura. Ele é maior, mas seu formato é o mesmo, com sabor suave e uma textura firme, que lembra a da carne. É muito usado para substituir a proteína animal em receitas, podendo ser feito na brasa ou na grelha.
  3. Shiitake – O shiitake tornou-se conhecido no Brasil em virtude da popularização da cultura asiática. Normalmente, ele é encontrado na sua versão desidrata, mas pode ser encontrado fresco também. Ele apresenta coloração escura e sabor que traz mais personalidade aos pratos, sendo bastante utilizado em sopas e molhos para substituir a carne.
  4. Maitake – O maitake é um cogumelo com sabor delicado, considerado quase floral, e com textura firme, que não perde seu formato original quando cozido. Ele é de origem japonesa, mas ainda é considerado uma das variedades menos populares no Brasil.
  5. Shimeji – O shimeji é considerado uma das variedades mais saborosas de cogumelos comestíveis e pode ser feito de forma bastante fácil: é necessário apenas refogá-lo na manteiga em uma panela e ele já está pronto para o consumo. A variedade é considerada uma das mais populares no Brasil.
  6. Hiratake – O hiratake é uma variedade ainda pouco popular e uma espécie de cogumelo brasileiro. Ele é encontrado em diferentes cores, desde o branco até o salmão ou amarelo. Ele é saboroso, com gosto suave e não muito marcante, podendo ser consumido empanado ou cozido.
  7. Morchella – O morchella está entre as variedades de cogumelos comestíveis mais consumidas pelos franceses. Ele possui um formato diferente, que remente a uma colmeia de abelhas, com sabor único e marcante e textura agradável. Para consumi-lo basta refogá-lo na manteiga e servi-lo como acompanhamento.
  8. Cantarelo – O cantarelo é um cogumelo de aroma agradável, quase floral, e com uma coloração amarelo forte, que o torna conhecido como cogumelo canário. Nas receitas, ele acrescenta um sabor suave e agradável, contudo deve ser colocado mais no final, pois ele pode ficar duro durante o cozimento.
  9. Cogumelo do Sol – O cogumelo do sol, além do sabor adocicado e um aroma que remete às amêndoas, tem diversas propriedades terapêuticas e nutricionais, sendo considerado um cogumelo medicina. Entre suas qualidades está o estímulo ao sistema imunológico e a ajuda no tratamento de doenças como hepatite e diabetes e problemas cardiovasculares.

Quais são os principais benefícios do consumo de cogumelo?

Como vimos, há diversas espécies de cogumelos que são comestíveis e quem pensa que o fungo é prejudicial à saúde, se engana. Cada uma das variedades de cogumelos é rica em substâncias que são importantes para a nossa saúde e que, inclusive, podem nos ajudar a prevenir doenças mais graves.

Os principais benefícios do fungo são a presença mínima de sódio, gordura e colesterol, o que auxilia na prevenção e no tratamento de doenças como a diabetes, a anemia e o câncer. Conheça outros benefícios que o consumo regular de cogumelo oferece ao nosso organismo.

  • Fonte de vitamina D

Os cogumelos são a nossa única fonte comestível de vitamina D – nutriente que produzimos somente quando ficamos expostos ao sol. A vitamina D no nosso organismo age no controle dos nossos hormônios, no aumento do ganho muscular e da imunidade e ainda auxilia na perda de peso.

  • Não contém glúten

Os cogumelos são completamente desprovidos de glúten e isso é uma boa notícia para os intolerantes à substância, que possuem poucas opções de alimentos. Além disso, atualmente há uma grande revolução alimentar, em que muitas pessoas têm procurado por alimentos que sejam sem glúten.

  • Protege do câncer

Muitos pesquisadores caracterizam o cogumelo como um superalimento, em virtude da forma como ele atua nos tumores cancerígenos que estão presentes no nosso organismo. Ele é antioxidante, o que significa que ele é capaz de atuar prevenindo e auxiliando no tratamento do câncer, pois age expulsando as células de tumores do corpo.

Entre os seus nutrientes estão o mineral selênio, a vitamina D, o folato e o ácido linoleico. O primeiro atua como uma enzima hepática, realizando a desintoxicação dos agentes que causam o câncer. Já a vitamina D reduz o crescimento das células cancerígenas, enquanto que o folato atua reparando o DNA e impedindo que formem-se novos tumores. O ácido linoleico age prevenindo o câncer de mama e próstata.

  • Previne a diabetes

Os cogumelos têm na sua composição uma enzima que age quebrando as moléculas de açúcar do organismo. Além disso, ele possui naturalmente insulina e fibras, que auxiliam a diminuir os níveis de glicose no corpo.

  • Melhora a saúde do coração

Outro nutriente presente nos cogumelos é o potássio, que age no nosso organismo como uma espécie de vasodilatador natural. Isso significa que ele aumenta a espessura dos nossos vasos sanguíneos e ajuda a reduzir a pressão arterial. Além disso, o potássio auxilia no equilíbrio de sódio no sangue, um dos grandes causadores da pressão alta.

  • Aumenta a imunidade

Os cogumelos são os únicos alimentos que possuem ergotioneína, um antioxidante que é capaz de eliminar os radicais livres e que tem enxofre na sua composição, cuja atuação no nosso organismo melhora a saúde imunológica. Além disso, esse fungo é considerado um antibiótico natural, pois ele não permite que bactérias e micróbios cresçam no nosso organismo.

  • Combate a anemia

Outro nutriente muito importante presente nos cogumelos é o ferro, portanto esses fungos são ótimos alimentos para combater a anemia. A doença é uma condição que ocorre em virtude da falta de ferro no organismo.

  • Fortalece os ossos

Os cogumelos são excelentes fontes de cálcio. O mineral é essencial para auxiliar na saúde dos nossos ossos, logo consumir porções pequenas de cogumelo por dia ajuda a suprir a quantidade de cálcio que o corpo necessita. O consumo regular de alimentos com cálcio reduz as chances de termos osteoporose ou outras doenças relacionadas com a degeneração dos ossos.

  • Regula os níveis de colesterol

Em virtude da falta de gordura e de lipídeos na sua composição, o cogumelo atua regulando os níveis de colesterol. Ele reduz os níveis de colesterol ruim e aumenta os de colesterol bom. Sendo assim, é considerado uma proteína magra, pois age provocando a queima de gordura.

Como consumir os cogumelos comestíveis?

A principal e primeira dica para quem deseja comer cogumelos é nunca os consumir crus, e isso inclui os comprados em lojas. Eles podem vir com toxinas e, por isso, é importante cozinha-los para remover elas. Além disso, certifique-se de o cogumelo não esteja manchado e de que não tenha água na bandeja com eles, isso pode ser sinal de que eles não estão bons.

Se você não cozinhou ou refogou cogumelos antes, é indicado que pesquise qual é a melhor forma de preparar eles. Cada tipo de cogumelo comestível pode ter cuidados especiais durante o preparo. Se optar por refogar, corte o fungo em pequenos pedaços, pois, dessa forma, eles irão soltar mais aroma e sabor. Confira uma receita que utiliza cogumelos nos seus ingredientes:

Gratinado de batatas e cogumelos frescos

Para preparar a receita, será necessário de três a quatro unidades de batata, 350 ml de leite integral, três colheres de sopa de vinho branco seco, duas colheres de sopa de manteiga sem sal, duas colheres de sopa de azeite extra virgem, 300 g de cogumelos frescos (shitake, shimeji e paris) e sal, pimenta do reino e noz moscada à gosto.

O primeiro passo para preparar o gratinado é pré-aquecer o forno a 200ºC. Enquanto isso, corte as batatas em rodelas finas. Em seguida, em uma panela despeje o vinho, o leite e as rodelas de batata. Após, tempere com a pimenta, o sal e a noz moscada. Misture bem e deixe no fogo baixo até as batatas estarem no ponto “al dente”.

Agora, corte os cogumelos em finas fatias e reserve. Em uma frigideira, acrescente o azeite e o vinagre. Em seguida, mantendo a chama do fogão alta, acrescente os cogumelos aos poucos e os refogue até ficarem murchos e dourados. Tempere eles com pimenta e sal.

Pegue um refratário que possa ir ao forno e unte. Nele, crie camadas com as rodelas de batatas e com os cogumelos refogados. Regue o prato com o líquido do cozimento das batatas e leve ao forno. Deixe assar até o momento que perceber que a parte superior está dourada.

 

Artigos Relacionados:

Benefícios e Propriedades do Shitake

Benefícios e Propriedades do Shimeji

Benefícios e Propriedades do Champignon

Benefícios e Propriedades do Cogumelo Paris

Benefícios e Propriedades do Cogumelo do Sol